0

Tipos de Comandos do MYSQL

logo_mysql_grTipos de Comandos do MYSQL

DML – Linguagem de Manipulação de Dados

Primeiro há os elementos da DML (Data Manipulation Language – Linguagem de Manipulação de Dados). A DML é um subconjunto da linguagem usada para selecionar, inserir, atualizar e apagar dados. SELECT é o comumente mais usado do DML, comanda e permite ao usuário especificar uma query como uma descrição do resultado desejado. A questão não especifica como os resultados deveriam ser localizados.
  • INSERT é usada para somar uma fila (formalmente uma tupla) a uma tabela existente;
  • UPDATE para mudar os valores de dados em uma fila de tabela existente;
  • DELETE permite remover filas existentes de uma tabela;
  • BEGIN WORK (ou START TRANSACTION, dependendo do dialeto SQL) pode ser usado para marcar o começo de uma transação de banco de dados que pode ser completada ou não;
  • COMMIT envia todos os dados das mudanças permanentemente;
  • ROLLBACK faz com que as mudanças nos dados existentes desde que o último COMMIT ou ROLLBACK sejam descartadas.
COMMIT e ROLLBACK interagem com áreas de controle como translação e locação. Ambos terminam qualquer translação aberta e liberam qualquer cadeado ligado a dados. Na ausência de um BEGIN WORK ou uma declaração semelhante, a semântica de SQL é dependente da implementação.

DDL – Linguagem de Definição de Dados

O segundo grupo é a DDL (Data Definition Language – Linguagem de Definição de Dados). Uma DDL permite ao usuário definir tabelas novas e elementos associados. A maioria dos bancos de dados de SQL tem extensões proprietárias no DDL.
Os comandos básicos da DDL são:
  • CREATE cria um objeto (uma Tabela, por exemplo) dentro do base de dados;
  • DROP apaga um objeto do banco de dados.
Alguns sistemas de banco de dados usam o comando ALTER, que permite ao usuário alterar um objeto, por exemplo, adicionando uma coluna a uma tabela existente.

DCL – Linguagem de Controle de Dados

O terceiro grupo é o DCL (Data Control Language – Linguagem de Controle de Dados). DCL controla os aspectos de autorização de dados e licenças de usuários para controlar quem tem acesso para ver ou manipular dados dentro do banco de dados.
Duas palavras-chaves da DCL:
  • GRANT - autoriza ao usuário executar ou setar operações;
  • REVOKE - remove ou restringe a capacidade de um usuário de executar operações.

Paulo R. Marinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

36 − = 31